A Tradução de Almeida

O primeiro tradutor da Bíblia completa para o português foi João Ferreira de Almeida, primeiro o Novo Testamento concluído em 1676 e publicado em 1681 em Amsterdã, na Holanda e logo depois o Antigo Testamento, publicado em 1753 na cidade de Batávia, hoje chamada Jacarta, na Indonésia.

Nascido no ano de 1628 em Torre de Tavares, Portugal, Almeida começou a trabalhar nas traduções dos livros do Novo Testamento em 1642, ainda com 14 anos de idade, quando acabara de se mudar para a Indonésia e se convertera ao protestantismo. Ali ele traduziu trechos dos Evangelhos do castelhano para o português. Aos 17 anos começou a tradução da Bíblia para o português, porém teve seus manuscritos perdidos e teve que iniciar todo o trabalho novamente em 1648, concluindo-o em 1654.

Conhecedor do hebraico e do grego, João Ferreira também conhecia as traduções já existentes da Bíblia na época, como a Vulgata e as traduções holandesa, francesa, espanhola e italiana. Ele baseou todo seu trabalho de tradução para o português através dos textos originais hebraicos e gregos, usados em massa nos manuscritos encontrados durante toda a história da Bíblia, ou seja, os Textos Massoréticos do Antigo Testamento preservados pelos Judeus e o Textus Receptus do Novo Testamento preservado pela igreja primitiva. Posteriormente estes textos foram usados nas cópias e traduções mais fiéis de toda a Bíblia.

A conclusão da tradução de todo o Novo Testamento foi finalizada em 1676, porém por motivos de demora nas revisões dos textos em Batávia, Almeida resolveu enviá-los a Amsterdã na Holanda, onde finalmente foi impresso em 1681 pela viúva de Joannes van Someren. Esta foi a primeira edição do Novo Testamento em português e trazia impresso em sua face o seguinte texto:

"O Novo Testamento, isto é, Todos os Sacros Sanctos Livros e Escritos Evangélicos e Apostólicos do Novo Concerto de Nosso Fiel Salvador e Redentor Iesu Christo, agora traduzido em português por João Ferreira de Almeida, ministro pregador do Sancto Evangelho. Com todas as licenças necessárias. Em Amsterdam, por Viúva de J. V. Someren. Anno 1681."

Após a publicação do “Novo Concerto”, como o denominou, Almeida começou a tradução dos livros do Antigo Testamento ainda quando revisava os textos do Novo Testamento. Ele conseguiu traduzir os livros de Gênesis até Ezequiel, quando faleceu em agosto de 1691 e já havia traduzido até o capítulo 41 e versículo 21. Ainda antes de falecer, João Ferreira de Almeida passou 10 anos revisando suas traduções do Novo Testamento, que foi publicada a segunda edição em 1693 em Batávia por Jan de Vries e posteriormente a terceira edição em 1711 em Londres.

Os outros livros do Antigo Testamento foram traduzidos por Jacobus op den Akker de Batávia, um pastor protestante holandês amigo de Almeida, ambos eram missionários da Igreja Reformada Holandesa na Indonésia. Jacobus deu continuidade às traduções de Almeida e concluiu os trabalhos em 1694.

Em meados do século XVIII, depois de passar por várias correções, foi impresso em Batávia o primeiro Antigo Testamento em dois volumes, o primeiro em 1748 (Gênesis a Ester) e o segundo em 1753 (Jó a Malaquias) ambos revisados pelo próprio den Akker e por Cristóvam Teodósio Walther. Estava então concluída uma das maiores obras de João Ferreira de Almeida, a completa tradução da Bíblia Sagrada para o português.

De acordo com que as revisões dos livros eram concluídas, algumas impressões parciais eram feitas na Índia em uma colônia dinamarquesa chamada Tranquebar. Nestas ocasiões foram publicados: O Pentateuco (1719 e 1757), os 12 Profetas Menores (1732), os Livros Históricos (1738), os Salmos (1740, 1742), os Livros de Jó aos Cânticos (1744), os 4 Profetas Maiores, Isaías a Daniel (1751), os 4 Evangelhos (1760), o Novo Testamento (1765) e novamente os Salmos em 1810.

Finalmente em 1819 após diversas revisões, a primeira Bíblia completa em português foi publicada pela Sociedade Bíblica Britânica e Estrangeira em um único volume inédito. Esta Sociedade Bíblica, antigamente British and Foreign Bible Society existe desde 1804 e hoje é chamada simplesmente Bible Society na Inglaterra, foi também a primeira instituição a distribuir a Bíblia no Brasil. Ela também deu origem ao que é hoje a Sociedade Bíblia de Portugal.


As Versões de Almeida - Após a morte de João Ferreira de Almeida durante a tradução do livro de Ezequiel e conseqüentemente a conclusão da obra por Jacobus, uma grande quantidade de reedições e revisões das traduções de Almeida foram feitas e continuam sendo feitas até hoje. Mais Detalhes.


Aqui tem Mensagem Urgente em Grego pra você. Assita nosso Vídeo!

Compartilhar este Artigo no Facebook


Leia Mais: