Conheça Jesus

"NO princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez. Nele estava a vida, e a vida era a luz dos homens. E a luz resplandece nas trevas, e as trevas não a compreenderam." João 1:1-5 (ACF).

É difícil pensar em uma apresentação mais profunda de Jesus Cristo como esta do Apóstolo João, também conhecido como o Evangelista. O próprio escritor considerou tão importante, que foi assim que começou a escrever seu livro, o Evangelho segundo João. Depois desta descrição o apóstolo escreve sobre João Batista, o que veio antes de Cristo, para testemunhar sobre Ele, a Luz. Logo em seguida João continua descrevendo Jesus.

"Ali estava a luz verdadeira, que ilumina a todo o homem que vem ao mundo. Estava no mundo, e o mundo foi feito por ele, e o mundo não o conheceu. Veio para o que era seu, e os seus não o receberam. Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome; Os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus. E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade." João 1:9-14 (ACF).

Depois que João Batista anunciou a vinda de Cristo, uma série de profecias do Antigo Testamento a respeito do Messias se cumpriu rigorosamente em Jesus. Inclusive a própria vinda de João Batista antes de Jesus já o anunciando publicamente, foi predita pelo Profeta Isaías e descrita mais a frente pelo próprio João: "Eu sou a voz do que clama no deserto: Endireitai o caminho do Senhor, como disse o profeta Isaías." João 1:23 (ACF).

Não são somente os livros da Bíblia que relatam a vinda de Cristo em cumprimento às antigas profecias. A própria história comprova os acontecimentos bíblicos da forma como estão escritos nos Evangelhos, desde os diversos anúncios de sua vinda, até a sua ressurreição quando foi visto pelos povos da região.

Não é a toa que usamos o calendário cristão e este texto aqui foi escrito em 2017 "depois de Cristo", pois até a contagem dos tempos foi alterada depois de tudo o que ocorreu em Israel há cerca de aproximadamente dois milênios atrás. Então o Apóstolo João continua descrevendo o Batista, desta vez reproduzindo as próprias palavras dele.

"João testificou dele, e clamou, dizendo: Este era aquele de quem eu dizia: O que vem após mim é antes de mim, porque foi primeiro do que eu. E todos nós recebemos também da sua plenitude, e graça por graça. Porque a lei foi dada por Moisés; a graça e a verdade vieram por Jesus Cristo. Deus nunca foi visto por alguém. O Filho unigênito, que está no seio do Pai, esse o revelou." João 1:15-18 (ACF).

Muitos outros grandes homens testemunharam sobre Cristo naquela época, como Mateus, Marcos e Lucas que escreveram os outros três Evangelhos. Pedro, Tiago e Judas, que escreveram outras epístolas e o próprio Paulo que escreveu várias outras.

Estes últimos viraram apóstolos, porém grandes multidões testemunharam a vida de Jesus em Israel. Muitas delas tiveram suas vidas feitas testemunhos de Cristo de forma que também viraram escritos. É o caso de Maria, mãe de Jesus, e dos outros filhos que teve com seu marido José, como Tiago por exemplo. São também os casos de Maria Madalena, Estevão, Timóteo, Tito, Barnabé, Silas e tantos outros que fizeram parte da primeira geração de cristãos.

Depois de ser crucificado, morto e sepultado, Cristo ressurgiu dos mortos e foi visto pelos povos andando por Jerusalém. Ao aparecer aos seus discípulos, já ressurreto, Ele disse: "Vede as minhas mãos e os meus pés, que sou eu mesmo; apalpai-me e vede, pois um espírito não tem carne nem ossos, como vedes que eu tenho." Lucas 24:39 (ACF). Instantes antes de se despedir dos apóstolos, disse mais: "São estas as palavras que vos disse estando ainda convosco: Que convinha que se cumprisse tudo o que de mim estava escrito na lei de Moisés, e nos profetas e nos Salmos." Lucas 24:44 (ACF).

E antes de ser elevado aos céus a vista dos discípulos, disse ainda: "Assim está escrito, e assim convinha que o Cristo padecesse, e ao terceiro dia ressuscitasse dentre os mortos, e em seu nome se pregasse o arrependimento e a remissão dos pecados, em todas as nações, começando por Jerusalém. E destas coisas sois vós testemunhas." Lucas 24:46-48 (ACF).

Finalmente depois de vários anos, escrito no último capítulo inspirado por Deus para compor a Bíblia, ao revelar o livro de Apocalipse para o Apóstolo João, Jesus o próprio Senhor nos convidou:

"Eu, Jesus, enviei o meu anjo, para vos testificar estas coisas nas igrejas. Eu sou a raiz e a geração de Davi, a resplandecente estrela da manhã. E o Espírito e a esposa dizem: Vem. E quem ouve, diga: Vem. E quem tem sede, venha; e quem quiser, tome de graça da água da vida." Apocalipse 22:16 e 17 (ACF).




Compartilhar este Artigo no Facebook


Leia Mais: